Nenhum comentário em

Município sergipano de Lagarto receberá fábrica de ração

O município de Largato deve receber uma fábrica de rações. O empreendimento da Maratá faz parte da política de ampliação de negócios da empresa. Para tratar sobre o tema e apresentar detalhes do projeto, o diretor de novos negócios da empresa, Antonio Carlos Borges, visitou o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec), Chico Dantas, nesta quarta-feira, 15.
O Grupo Maratá, cuja variedade de segmentos vai do alimentício até a construção civil, é um dos beneficiários do Programa Sergipano de Desenvolvimento Industrial (PSDI), do Governo de Sergipe, que busca expandir a indústria e fortalecer as marcas locais, por meio dos incentivos fiscais ao locacionais.
Com estes e outros incentivos do Governo, a Maratá impulsiona seus investimentos e campo de ação, tendo Sergipe como seu esteio primordial. “Este é um projeto novo onde vamos reaproveitar a sobra da massa de milho, o chamado ‘olho’ do milho -aquela parte branquinha – que é nobre e serve para ração de animais rica em minerais. Em cerca de seis meses estaremos funcionando”, pontuou Borges,que foi recebido na Sedetec também pelo superintendente executivo, Carlos Augusto Franco.
Durante o encontro, o secretário Chico Dantas falou do trabalho do Governo para instalação das novas indústrias em Sergipe. “O governador Jackson Barreto tem orientado uma ação efetiva do Governo do Estado no apoio aos empreendedores em todos os setores da economia local, em toda e qualquer demanda para manutenção da competitividade empresarial. O grupo Maratá pode contar com este apoio no que for preciso, para continuar gerando emprego”, concluiu o secretário.

Deixe uma resposta