Wild Earth: revolucionando a forma como nossos cachorros comem

Empresa investe na proteína obtida a partir de fungos e outros ingredientes naturais.

FoodVentures é o primeiro HUB de inovação FoodTech brasileiro. Nosso compromisso é transformar a forma como alimentamos o mundo através de nossa paixão por inovação.

Quem tem cachorros em casa sabe bem como o paladar canino não é lá tão sofisticado, mas não é porque eles comem de tudo, que eles deveriam, certo? Hoje em dia, notamos que a maioria das rações para cachorros não são compostas de ingredientes que fazem bem para nossos pets.

Muitos fabricantes de ração utilizam partes de animais da pecuária que foram consideradas impróprias para o consumo humano, enquanto que algumas marcas premium afirmam oferecer melhores e mais saudáveis ingredientes, mas o dano ambiental causado pela criação de gado – tanto para produção de ração, quanto para consumo- é de extrema gravidade.

A empresa com sede em Berkeley, Califórnia, chamada Wild Earth, surgiu com o objetivo de reinventar as rações do zero. Como? Utilizando fungo e biologia sintética – abordagem que integra a biologia à novos dispositivos, a fim de projetar e construir novas funções e sistemas biológicos.

A receita da Wild Earth fica por conta do uso de um fungo fibroso conhecido como koji, usado pela empresa para desenvolver proteína. O koji é usado como base na fermentação da culinária oriental, principalmente japonesa, originando produtos como shoyu, miso e saquê.

Ao contrário da culinária japonesa, no entanto, a empresa não utiliza grãos como matéria prima, e sim, alguns componentes bioquímicos simples: açúcar de beterraba, extrato de levedura hidrolisado e fertilizante. O grande objetivo da Wild Earth é criar proteína a partir de elementos básicos, porém com muitos nutrientes – e de preferência usando pouca matéria prima pelo custo-benefício.

“No passado, achávamos que ração era material de descarte, restos”, o co-fundador da Wild Earth, Ryan Bethencourt, explica. “Todos os animais precisam de nutrição. Uma vez que mostremos como é possível produzir uma proteína limpa e de alta qualidade para nossos animais domésticos, o que poderá nos impedir de produzir comida de qualidade para humanos?”, continua.

A Wild Earth acredita oferecer a solução mais saudável e mais ecofriendly no ramo das rações para pets, usando a ciência para promover a “melhor ração do planeta“.

Fonte:Conteúdo Startse

Deixe uma resposta