China vai voltar a comprar muita soja: Prepare-se

As compras de soja pela China voltarão com força total nos próximos dias e devem atingir novos níveis recorde, aponta S&P Global. O motivo que embasa a projeção de uma das mais importantes e conceituadas agências de análise mundiais é o controle dos casos de peste suína africana (PSA) no gigante asiático, ressalta a Consultoria T&F Agroeconômica.

De acordo com a S&P Global, a economia chinesa se recupera rapidamente da pandemia, à medida que medidas rígidas de quarentena e diretrizes foram seguidas por produtores. “Consequentemente, o número de porcos aumentou notavelmente”, aponta a agência em um artigo publicado no último dia 3 de Junho.

Segundo os analistas, o Ministério da Agricultura e Assuntos Rurais da China projeta o rebanho de suínos deverá acima de 440 milhões de cabeças ainda no ano de 2021, e isso vai demandar muita oleaginosa. “À medida que a China transforma mais de 80% da soja importada em ração animal, a previsão da demanda de importação para a oleaginosa disparou simultaneamente com o aumento do número de suínos”, diz a S&P Global.

A Consultoria lembra que a peste suína africana ainda não foi totalmente eliminada na China, mas a epidemia foi controlada com as medidas governamentais, caindo para apenas 10 casos neste ano, de acordo com a agência de notícias Reuters. A S&P Global afirma que estes casos foram tidos como “eventos isolados por agências governamentais e consultorias privadas. A China está almejando pelo menos 65% da carne suína de fazendas em escala industrial até 2025, disse um relatório do conselho do governo em setembro de 2019”.

Fonte: Agrolink

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *