Passeio Virtual na Fábrica de Ração – Parte I

      Nenhum comentário em Passeio Virtual na Fábrica de Ração – Parte I

Começaremos o Ano com o Pé Direito, hoje dou início a uma nova série que ajudará muitas pessoas a entender os processos de uma fábrica de ração. Como os equipamentos são montados, e qual a função de cada um deles dentro do processo produtivo. 

O passeio virtual vai começar na recepção de uma fábrica de ração e vamos falar sobre os silos de armazenagem para grãos e os outros ingredientes. 

Esses silos são necessários para poder armazenar a maior quantidade de matéria prima possível e com isso diminuir o fluxo de caminhão dentro da fábrica. 

Outro ponto positivo é a possibilidade de ter o custo do processo produtivo sob controle sofrendo o menos possível com as variações de preço, nesse último ano tivemos uma variação de matéria prima muito grande. Tivemos a cotação do milho partindo na casa de R$ 40,0 – R$ 50,00 e finalizar 2020 na casa dos R$ 80,00.  

Muitos tem saudades de 2018, onde era possível comprar milho a uma faixa de preço que variou entre R$ 25,00 e 35,00, para algumas empresas foi possível pegar essa cotação na casa dos R$ 45,00, por dois motivos: 

1º Tem silos para estocar grandes quantidades de Silo; 

2º Compra antecipado a produção do ano e com isso pega a cotação corrente no mercado. 

Para quem já tinha instalado na fábrica silos para grandes capacidades de armazenamento pôde se beneficiar dessa alta. Pois não precisou repassar o preço da ração no início da pandemia e com isso aumentar o volume de vendas, e quando todos os concorrentes já tinham aumentado o preço para poder aproveitar a alta dos preços, foi possível aumentar também para poder aumentar os ganhos. 

A moega de recepção, que foi mostrada no vídeo é uma moega simples, pois dependendo do tamanho da fábrica é possível colocar um tombador para poder agilizar o descarregamento. E para empresas que produzem grandes volumes é altamente indicado que se faça a troca da moega comum, por um tombador. 

A recepção das matérias primas é muito importante para se determinar a estratégia produtiva da fábrica, nos próximos vídeos, vocês vão observar que não é só na moega que se recebe matérias primas, e quando se tem muitos produtos para receber pode haver um certo tumulto na área de recepção, o que acaba ocasionando armazenamento em silos errados, mistura de duas matérias primas no mesmo silo entre outros desvios de percurso. 

Outro ponto importante também é que algumas matérias primas que se recebe na moega pode ser jogado direto para os silos de dosagem em alguns projetos. Sendo que esse pode passar direto para os silos ou passar pelo moinho de grãos ou 1º moagem. 

 Quando ele passa pelo moinho de grãos, produtos que tem alta densidade e valoriza o espaço dos silos de armazenamento perdem uma parte do seu peso específico durante o processo de moagem, vou estar fazendo um vídeo explicativo, e um texto mostrando o que realmente acontece. Daí a importância de se ter uma boa quantidade de silos e um bom setor de programação de produção (PCP) e compras. 

Ambos têm que funcionar como um relógio, enquanto o PCP faz o TIC e o Compras faz o TOC, a interação desses dois setores vai depender muito também de quem está gerindo a fábrica, mas isso é assunto para uma outra ocasião, mas fica o alerta, será que o seu Gestor, está fazendo a interação das equipes de trabalho? 

Enfim, estamos em 1 de janeiro de 2021, espero que todos tenham um ano muito melhor do que foi 2020, graças ao nosso bom Senhor, nosso setor foi privilegiado durante a pandemia e muitos de nós pode crescer acima do esperado da média nacional. 

 Começamos 2021 com muito gás e vontade de trazer ainda mais informações para todos que nos acompanham.  

 Um forte abraço e até a próxima! 

 Rafael RS 

Link para o Vídeo:  youtube.com/watch?v=Kj9hW9hTL8Q&t=18s

Textos comentados no vídeo

Eu Realmente preciso de tudo isso  

OBS: Durante o vídeo eu comento sobre a base dos silos a granel que devem ser especiais pois precisam de ventilação, sistema de escoamento para retirada dos grãos, e controle de temperatura e umidade, abaixo vou deixar algumas fotos de como são essas bases no começo da construção dos silos maiores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *